quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Internet: Alguma coisa em que podemos confiar

Essa semana foi publicada uma pesquisa onde a maioria dos entrevistados disseram que acham a Internet um meio de comunicação mais seguro e confiável que a Televisão e o rádio.
A televisão uma mídia que há anos vem sofrendo fortes críticas por apresentar conteúdos impróprios para "consumo", principalmente a TV aberta.
A Internet não fica muito atrás. Pais são alertados a toda hora para vigiar o conteúdo que seus filhos navegam, e não é pra menos, pois a web é uma fonte inesgotável de dados (atenção: dado é diferente informação!). A cada segundo são publicadas milhares de notícias e quem estiver na rede poderá acessá-las sem nenhum tipo de censura. Isso permite que informações muitas vezes sem valor algum sejam distribuídas livremente. Contudo, ainda prefiro a liberdade de expressão à ficar restrito a censura televisiva.
Televisão é uma mídia onde somos passivos. Sentamos na frente dela e esperamos o conteúdo ser passado conforme a vontade do diretor do programa. Temos pouca ou nenhuma iteração.
A Internet nos torna ativos. Sentamos na frente do computador, abrimos uma página em branco e decidimos o que queremos ver e com a vantagem de fazer isso de qualquer lugar.
O internauta faz seu próprio conteúdo. Se pensarmos na web 2.0 com sites de conteúdos colaborativos como Wikipédia, blogs e etc., o verbo "fazer" passa a ter sentido literal.
É fato, a Internet deverá nos próximos anos se tornar o principal meio de comunicação, deixando a TV para trás. Mesmo com a TV digital chegando acredito na convergência das duas mídias, tornando o televisor apenas um monitor de 29" para navegar na Internet.
Postar um comentário

Postagens populares